Todos cuidam. Todos são cuidados

20150507_142945_HDR
Foto de Luciana Cerqueira

Até hoje, talvez você tenha pensado: ninguém olha para mim. Ninguém reconhece meus esforços. Ninguém me apoia. E achou que estivesse andando sozinho, nesta estrada sem fim. Os outros só serviam às suas conveniências, mas no fundo, você só via a si mesmo. Só via as suas dores.

O meu amor chega pelas mãos de muitos. Seus pais. Seus irmãos. Seu ex-companheiro. Ex-companheira. Seus empregadores. Os empregados. Os curadores. O vizinho. Os religiosos. Os ateus. Os filhos. O atendente do bar. O desconhecido do caminho. Eles não têm a menor ideia de que estão sendo meus instrumentos. Assim como eu o utilizei inúmeras vezes para despertar o seu irmão, a sua irmã. Alguém que você nunca mais irá ver. Mas você nem percebeu, tão mergulhado estava em suas próprias ideias. É assim que eu ajo. Todos estão cuidando, e sendo cuidados. Não há melhor cuidador, ou pior cuidador. Todos cuidam, todos são cuidados, porque quem cuida, sou Eu.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: