Antes que tudo acabe

deixeme

Deixe-me olhar para Suas plantas, e apreciar o verde balançando suavemente no vento…

Deixe-me sentir as Suas águas caudalosas molhando meus pés, ouvir o suave burburinho da cascata, sentir em meu corpo a morna brisa me abraçando ternamente…

Deixe-me curtir o sorriso da criança, a piada sem graça do idoso, o exagero amoroso e alegre do animal de estimação…

Deixe-me amar e respeitar quem está ao meu lado, dando real importância às pessoas que sempre estiveram comigo, e eu nunca soube amar, nem respeitar…

Deixe-me, Pai, Mãe, sentir meu coração pulsando, não mais de excitação pelos louros do que conquistei, mas desta vez, de amor verdadeiro, puro, pelo próximo, pela vida, por mim mesmo, por todos os irmãos que me procuram…

Deixe-me sentir o ar entrar pleno nos meus pulmões, e poder somente desta vez, agradecer, por perceber a vida cintilando dentro de mim, de forma tão gratuita e plena…

Deixe-me esquecer tudo o que acho que sei, tudo o que acho que fiz, tudo o que pensei que poderia fazer, e simplesmente descansar em Seus braços, servindo à Sua vontade, e não mais à minha…

Que eu possa deixar-me em Ti, totalmente…

antes que tudo acabe…

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: