Hora de ficar? Ou hora de ir embora?

portas-abertas

 

Algumas portas estão sendo fechadas, e não é para você ficar! Os prenúncios são claros: conflitos. Guerra de interesses. Falta de diálogo. Confusão. Pobreza. Mas o principal: você só está neste lugar porque tem medo. E acha que aí é seguro. Eu digo que já não é mais.

Porém…

Algumas portas estão sendo abertas, e é para você seguir! Os prenúncios também são claros: um friozinho na barriga! A sensação de que você, finalmente, usará seus dons, habilidades, conhecimento e talentos a serviço. Você está pronto para dar, e não deseja mais segurança. O desafio lhe chama e você vai encará-lo!

Não se preocupe tanto: eu estou em ambas as portas. Na primeira, você aprende a ficar forte, a lutar, a ocupar o seu lugar com firmeza enquanto espera e aprende, até que o ventre se comprime tanto, mas tanto, mas tanto, que você é obrigado a sair… Na segunda, você terá que andar. E usar tudo aquilo que lhe foi dado. A serviço do próximo.  E quanto mais usar, livremente, quanto mais dispor da sua beleza à humanidade, mais prosperidade… mais alegria… mais sensação de estar no lugar certo, fazendo a coisa certa… A harmonia se manifestará. A vida ganha um novo sentido. E você olhará para os momentos em que se sentiu preso, com medo e em busca de segurança, com gratidão: estes momentos fizeram você ser quem você é…

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: