O auto julgamento

  Percebo você se corroendo por dentro, julgando-se, condenando-se, despejando ácido garganta abaixo, veneno veia adentro, desvalidando-se como se fosse o mais vil dos habitantes do inferno. A quem serve esta estratégia? Ao seu ego, que assim pode manter vivo o personagem da vítima. Do errado. Do culpado. Do indisciplinado. Do infiel. Do pouco evoluído.…