Pacificando pensamentos e medos (vídeo)

Oi gente! Aproveitei mais um post que fiz no Instagram, a partir de uma frase de Bert Hellinger, para instigar você a pensar numa coisa: de onde vem suas idéias, crenças, medos? De quem são estes conflitos que carregamos dentro de nós? Será que precisamos combatê-los? Enfim, praticante de tantos caminhos espirituais e de autoconhecimento, sempre fui confrontado com esta questão: lidar com os pensamentos revoltados e os medos mais infundados que existem em mim. E fui descobrindo novas formas de olhá-los. E agora, compartilho com você, a partir do ponto de vista da constelação familiar… Quem sabe possamos conviver em paz com “nossas neuras”?

Você está preso numa relação antiga? (vídeo)

Como as relações afetivas anteriores influenciam você, hoje? Você pode conviver com as relações anteriores numa boa, e isso não atrapalha de alguma forma sua relação atual? Ou é importante fazer uma despedida? E como se desligar destas relações antigas?

O casal de terapeutas Alex Possato e Lu Cerqueira conversam com você sobre esse tema, que afeta tantas pessoas, e falam do tema a partir do ponto de vista da constelação familiar sistêmica.

Curta o vídeo, assine o canal e deixe seus comentários e sugestões!

Traumas repetitivos na relação afetiva (vídeo)

Novo vídeo no canal do Youtube! Desta vez, falo sobre a repetição de padrões em relacionamentos afetivos: sabe aquela pessoa que sempre encontra um parceiro com vício? Ou o cara que acaba virando “cuidador” de alguém, o tempo todo? Aquelas relações de opressão que se repetem? É sobre estes padrões dolorosos de relacionamento que falo, suas origens e possibilidades de solução! Dê uma olhada no vídeo, e assine o nosso Canal!!!

Adoção ao olhar da constelação familiar sistêmica

Desta vez, Alex Possato fala sobre um tema muito próximo a ele: adoção. Como será que a constelação familiar vê o movimento de quem deseja adotar? Como podemos “fortalecer” o filho adotivo? Bert Hellinger aprova ou desaprova o ato de adotar?
Sobre isso e muito mais, Alex falará com você, auxiliando-o a abrir sua percepção sobre este tema, tão próxima a grande parte dos brasileiros.

Conheça o trabalho de Alex Possato acessando:
Site e blog: http://www.alexpossato.com
Instagram: https://www.instagram.com/alexpossatooficial/
Facebook: https://www.facebook.com/alexpossatooficial/

 

A mãe dominadora (vídeo)

Vídeo novo no ar!
Sabe aquela mãe que ocupa todo o espaço da filha, e isso até parece “cuidar”, mas acaba se tornando uma forma de aprisionar? E o pior: ela também, por questões mal resolvidas com o pai, acaba jogando esta filha contra ele, transformando-a inconscientemente numa aliada contra o masculino, o que provoca uma grande dificuldade da filha em se relacionar, confiar e poder se abrir para o amor?
Este é o tema do vídeo que acabo de colocar no meu canal do Youtube! Vá lá, assine o Canal, curta o vídeo, comente!!!!

Jornada Sistêmica em Israel 2019 – Roteiro

 

Olá gente! Não sei se vocês já souberam, mas eu e a Luciana estaremos levando uma turma para uma Jornada Sistêmica em Israel. Não será somente turismo. A idéia é trabalharmos nossa conexão com a Essência interior, através do contato com esta terra com tanta história e tradição espiritual. Será uma verdadeira peregrinação: teremos momentos de partilha, meditação, constelação em grupo, descanso e introspecção, tudo voltado para a grande investigação – como está a minha fé, a conexão com as tradições mais antigas, meu desprendimento ou o meu apego em relação à dualidade matéria x espírito…
Serão momentos especiais… Por exemplo, já se imaginou meditando no Monte das Oliveiras, ouvindo e mergulhando com o espírito no Sermão da Montanha?
Fica aqui nosso convite!!!

Alex Possato e Lu Cerqueira

A mulher que não soltou papai (vídeo)

Ouvindo uma sugestão do público que acompanha o canal, Alex Possato desenvolve um pouco mais o tema “a mulher que não soltou papai”, que é uma continuação do vídeo “A filhinha do papai”.
O que causa este vínculo, que faz a mulher ficar presa à idealização de um pai (bom ou mau) e com isso, sente dificuldade de criar vínculos com homens?
Como isso reflete na relação desta mulher com a mãe dela?
E em relação às suas características femininas: a mulher se torna “menos mulher” e adota dons e atributos geralmente relacionados com o masculino?
Será que esta mulher irá atrair um “filhinho da mamãe”, um homem mais fragilizado, com características mais femininas (cuidador, intuitivo, artístico, emotivo, agregador, etc.)?
Enfim, estes são assuntos que Alex vai discorrendo durante o vídeo! Deixe também sua sugestão e peça temas para o Alex falar!

Comunicação no casal: como se entender? (vídeo)

 

Desta vez uma entrevista! Alex Possato e Lu Cerqueira, terapeutas e parceiros afetivos, fazem perguntas um para o outro, falando sobre os problemas e soluções da comunicação do casal. Como um homem funciona? O que ele quer? Como a mulher funciona? Quais os segredos do feminino que os homens não veem? Neste papo descontraído, Alex e Lu falarão de assuntos muito importantes: sexo, realização, mente racional x mente emocional, e muitas outras coisas! Acompanhe!

Vivência “O Dito e o Não Dito” – o olhar sistêmico na comunicação do casal – mais informações: https://alexpossato.com/o-dito-e-o-nao-dito/

Conheça o trabalho de Alex Possato acessando:

Instagram: https://www.instagram.com/alexpossatooficial/
Facebook: https://www.facebook.com/alexpossatooficial/

Conheça o trabalho de Lu Cerqueira acessando:
http://www.sagradoventre.com.br/
Facebook:
https://www.facebook.com/Sagrado-Ventre-1892103484444769/

Abortos, natimortos e insucesso (vídeo)

Muitas pessoas têm um padrão comum: começam coisas e não acabam. Deixam cursos, projetos, relações, planos, empresas, carreiras, tudo por terminar. Até se dedicam, às vezes realmente dão o melhor de si, mas parece que os planos não vingam. Começam, crescem, e quando parece que vai dar certo… não vinga! Uma das possibilidades é que esta pessoa está vinculada à energia de aborto, natimortos ou crianças com morte precoce. Geralmente da mãe ou avó. E por isso seus planos abortam. Crescem até um ponto, mas não frutificam totalmente. É sobre este aspecto da constelação familiar que Alex Possato irá falar com você!

 

Por que atraímos doenças e infortúnios? (vídeo)

O “vínculo” inconsciente que temos a pessoas e situações do passado familiar, muitas vezes desconhecidas, faz com que repitamos dores, doenças, problemas, que de certa forma, sinalizam para a cura que o sistema deseja. Esta é a explicação da constelação familiar. Mas a ciência também começa a encontrar algumas possíveis explicações para a repetição de traumas de geração em geração, através da epigenética. Alex Possato fala um pouco sobre este mecanismo, e a possibilidade de desligar-se dos efeitos destes “vínculos” através do autoconhecimento e terapia.